Notícias

Ratinho Junior diz que Paraná pode flexibilizar uso da máscara com 80% dos adolescentes vacinados


Brasil Net

Segundo os dados do Vacinômetro estadual, o Paraná já aplicou 16.094.632 vacinas contra a Covid-19

Foto: AEN
A informação foi divulgada durante evento realizado em Londrina, no Norte do Estado

O governador Ratinho Junior disse, no sábado (6), que o Paraná pode flexibilizar o uso da máscara assim que o estado atingir 80% de vacinação dos adolescentes. A informação foi divulgada durante evento realizado em Londrina, no Norte do Estado.

Em entrevista coletiva, Ratinho disse que o avanço da vacinação permite o estado a considerar uma redução nas medidas restritivas.

“Nós estamos fazendo de forma muito cautelosa todas as decisões focadas na pandemia. A vacinação está ajudando muito, somos o primeiro estado que conseguiu dar as duas doses para a maioria da população. Agora estamos avançando nos adolescentes, tudo isso para diminuir número de mortes e infectados. Acredito que, se nós chegarmos em novembro 80% dos adolescentes vacinados, começando dezembro próximo dos 100%, podemos começar em um Natal sem máscara, mas isso de forma muito técnica e sem colocar em risco a população”, disse.

Segundo os dados do Vacinômetro estadual, o Paraná já aplicou 16.094.632 vacinas contra a Covid-19, sendo 8.680.041 primeiras doses, 6.581.894 segundas doses e 324.596 doses únicas.

Entre os adolescentes, são 438.101 doses aplicadas.

Na última segunda-feira (1), a Prefeitura de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, liberou o uso de máscaras em ambientes abertos da cidade. Para a decisão, a administração municipal levou em conta a taxa de imunização contra o Sars Cov-2. Segundo a Prefeitura, 95,9% da população adulta recebeu ao menos uma dose e 60,3% já completou o esquema vacinal.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (SESA), porém, a normativa não é válida e a obrigatoriedade para uso do instrumento de proteção continua. Para a pasta, é necessário decreto estadual para a liberação.

CN INSTITUCIONAL


Fonte: Redação CN Notícias, com informações da Banda B